segunda-feira, 25 de março de 2013

PROGRAMA APRENDENDO COM SAÚDE - A REALIDADE SE TRANSFORMOU EM UM SONHO DESFEITO?


Lembro-me, como se fosse hoje o dia em que recebi uma mensagem de uma pessoa que, tendo localizado o Blog do Professor Edélcio Anselmo, gritou EUREKA, achando que tinha conseguido escolher alguém para ser um dos palestrantes do Ciclo de Atualização Profissional para a Equipe de Saúde Bucal do Programa Aprendendo com Saúde da Prefeitura de São Paulo. A pedido da Coordenadora Dra. Fernanda Borges Rodrigues, a Cirurgiã Dentista Camila Chicaro se lançou a pesquisar nomes que poderiam contribuir de forma positiva com a educação continuada da equipe vinculada à SPDM - Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina. De uma forma meio tímida e meiga, Camila  procurou explicar-me a importância do evento para o enriquecimento científico e humanístico para aqueles profissionais dedicados que queriam aproveitar o recesso escolar para assimilação de novos conhecimentos que possibilitasse o aperfeiçoamento do programa que realizavam. Camila, me achando muito distante de atender o seu pedido, me questionou sobre a mínima possibilidade do meu envolvimento com o projeto ou se eu poderia indicar outro colega que supriria essa necessidade. Mas, de pronto aceitei aquele que para mim seria mais um desafio na minha nova carreira profissional, pois acostumado a ministrar aulas e palestras para ASBs e TSBs, seria uma novidade me dirigir a uma equipe completa com a presença de CDs. Assim, no dia 22 de dezembro de 2011, lá estava eu de frente para a  equipe com a responsabilidade maior de abrir o evento, não para ensinar, mas sim, para tentar passar a experiência adquirida em muitos anos de trabalho, cuja filosofia coincidia com a atuação  deles no programa Aprendendo com Saúde.

E foi, realmente uma experiência ímpar, nascendo a partir desse dia uma grande amizade e comunhão de idéias e pensamentos na busca de projetos exitosos para a promoção da saúde bucal.
Tenham certeza que aquele dia 22, foi de extrema importância pois a oportunidade que me deram, me permitiram, também, a troca de experiências, que também me ensinaram muito e vieram me mostrar que sempre estive no caminho certo, tanto que fiz de tudo para trazer parte da equipe a Santos, para dividir com os profissionais da baixada santista essa experiência fantástica. E, vocês trouxeram um brilho de esperança em mudar o status quo, para os que estavam presentes na APCD/Santos.


Ainda, em 2012 fiz questão de indicar a inclusão da apresentação do programa na grade científica do 2º CIATESB e no dia 03 de novembro lá estava a Fernanda no Centro de Convenções Rebouças privilegiando uma platéia enorme de diferentes estados com essa riqueza de trabalho que vocês realizam.



O meu envolvimento com vocês e vosso trabalho foi tão intenso, que mais uma vez fiz questão de formular outro convite para Fernanda, desta vez para participar do 2º ENAT - Encontro Nacional de ASB e TSB em Santos no próximo mês de maio para uma platéia prevista para mais de 300 congressitas.
Vejam que até o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha fez questão de visitar e reconhecer a importância do projeto ao lançar o programa saúde na Escola em uma das escolas de Educação Infantil em São Paulo. Ora se o Ministro que é do PT aprovou o Aprendendo com saúde, porque o governo Fernando Hadad, também petista resolveu extinguí-lo?
 
Pois, veio a mudança político-administrativa na Prefeitura de São Paulo, que resolveu não reconhecer a importância do Aprendendo com Saúde, ao adotar outra filosofia de trabalho, da qual qual não ouso desconhecer o mérito, e o futuro é que dirá se estão certos ou não. Sei que a Coordenação de Saúde Bucal municipal está nas mãos de um grande gestor, o amigo de tantos anos, Douglas Schnneider, para quem procurei mostrar argumentos favoráveis à manutenção do programa, mas que infelizmente, é oposto à estratégia do atual governo. Mas, Douglas, teve uma nobre decisão, ao reconhecer o valor da equipe, e remanejou todos para as Unidades Básicas de Saúde onde procurarão mostrar a sua capacidade e competência no trato com a saúde coletiva.
Ainda hoje pela manhã, tive a oportunidade de fazer uma visita à Fernanda e sua fiel escudeira Ariane, quando pude observar a tristeza profunda nos olhos delas, agora separadas da convivência diária com os amigos que criaram nesses anos de profunda dedicação. 
Peço à  Camila e à toda a equipe, não deixem de demonstrar que o carinho que sempre tiveram com as crianças e adolescentes paulistanos, permaneçam com os novos usuários que serão o objetivo da vossa atenção daqui para a frente, e procurem alcançar os mesmos excelentes resultados com essa comunidade que dependerão de vocês.
Tenham em mim o amigo de sempre que estará disposto a ajudá-los a adubar e fazer vigorar a semente plantada e que sempre servirá de modelo a outros rincões de nosso país.
Tenham em mente que, o reconhecimento maior não deve vir preferencialmente dos gestores, mas, sim, de dentro de vocês mesmos, que sempre terão a satisfação do dever cumprido.
Ao Prefeito, Secretários Municipais de Saúde e Educação e Gestor de Saúde Bucal de São Paulo, deixo meu pedido, recebam novamente essa valorosa e quipe, ouçam em conjunto o que eles tem a dizer e demonstrar, revejam a sua decisão e restabeleçam o que, com certeza é o melhor projeto para a promoção da saúde bucal dos escolares, pois até o Ministro Padilha assim o reconheceu.

Deixo, ao final,  o meu carinho e admiração à Camila e à Fernanda e peço que repassem o mesmo carinho para todos os membros da equipe!!!
 

6 comentários:

  1. Lamentável! Estou muito desapontada em saber dessa notícia! espero que não seja definitiva.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estamos torcendo e diligenciando para o retorno do programa, Lusiane!

      Excluir
  2. Camila Fragata Chicaro30 de março de 2013 11:35

    Nossaaa Prof! Suas palavras me emocionaram... nunca pensei que naquele dia que entrei em contato com o Sr iria surgir uma amizade tão grande. Minha admiração pelo Sr começou desde o momento que li o email com a resposta positiva ao meu convite... a humildade que sempre demonstrou a mim e às pessoas do programa mostram como o Sr é evoluído e sábio.
    Só tenho a agradecer por sua amizade e comprometimento que teve agora e sempre.
    Deus fecha uma porta, mas abre outra... e esta nos dará a mesma oportunidade de fazer o bem tbem... estou gostando muito do lugar que estou... e dentro de uma ESF sei q poderei continuar fazendo...
    Um grande bjo!

    Feliz Páscoa!!!

    ResponderExcluir
  3. Sou AD de uma EMEI, e estou boquiaberta com essa notícia.

    Temos crianças, que o primeiro contato com o dentista, aconteceu ali, dentro da nossa U.E.

    O trabalho das Equipes é maravilhoso; ver a grande modidicação , que se inicia ali, dentro da sala de aula, onde os profissionais a transformam em minutos num consultório médico, e se estende pela vida, com o aprendizado de cuidar, atentar à Saúde Bucal.

    Um Programa maravilhoso, mas que a cada ano, desde quando iniciou, eu ouvia os profissionais temendo o fim do mesmo. E esse comentário surgia entre os nossos agredecimentos e elogios pelo belíssimo trabalho desenvolvido. Achava impossível que decretassem o fim do mesmo, mas aconteceu... Esse é o meu Brasil


    ResponderExcluir
  4. Muito bom esse blog. Os temas discutidos aqui são bem interessantes, parabéns!
    Roberta(www.planodesaude.net)

    ResponderExcluir
  5. Regiane Navarro - TSB24 de abril de 2013 19:07

    Fiquei muito emocionada e feliz de saber que tem pessoas fora nós do aprendendo que se preocupam e querem a volta do aprendendo.Em 5 anos de programa aprendemos a amar o programa e o que fazíamos, nos unimos muito como equipe e isso nos dava animo e disposição a cada dia fazendo com que nosso trabalho tivesse não só quantidade mas qualidade.Este programa não podia acabar tinha que ser expandido e estendido para as escolas estaduais, pois todas as crianças tem o mesmo direito de ter um atendimento especial.Com as equipes nas escolas a maioria das crianças eram tratadas e nas UBS, muitas mães trabalham e não podem levar as crianças que ficam sem o tratamento. Foi muito bom. Quem sabe um dia? Obrigada.

    ResponderExcluir