domingo, 30 de dezembro de 2012

RESTROSPECTIVA 2012


BLOG DO PROFESSOR EDÉLCIO ANSELMO

RETROSPECTIVA 2012
O ano de 2012 aproxima-se de seu final a aqui estou eu novamente para apresentar uma síntese dos temas abordados no Blog do Professor Edélcio Anselmo nos últimos doze meses.
Foi um ano de grandes realizações na área de Saúde Bucal que me propiciaram a oportunidade de escrever 135 textos de grande abrangência, dos quais vou tentar selecionar alguns dos mais acessados pelos meus leitores e seguidores.

Em janeiro o destaque foi para o 1º Fórum de Blogs e Mídias Sociais na Odontologia realizado durante o 30º CIOSP por iniciativa de quatro grandes representantes da Blogosfera Odontológica  que reuniu cerca de oitenta Cirurgiões Dentistas bloqueiros e simpatizantes.
Fevereiro me trouxe a ideia de homenagear Cirurgiões Dentistas que, além de exercer a profissão abençoada por Santa Apolonia na cadeira odontológica, desenvolvessem algum outro trabalho diferenciado, associado ou não à profissão mestra, mas, que de qualquer forma trouxesse benefícios à comunidade e, ainda pudesse revelar outros dons inerentes a esses profissionais. Assim mostramos A Outra Face da Dra. Maria Regina Amorim, que, além de coordenar Curso de Formação e Capacitação de TSBs e ASBs, auxilia o  seu marido na confecção e venda de artesanatos.
Em março  a postagem principal homenageou  o papel importante da mulher na odontologia.
Em abril o blog trouxe mais uma nova série importante para valorizar o desempenho de ASBs e TSBs cujo primeiro tema reverenciou o trabalho  da minha ex-aluna Roberta Jorge Chad.
Chegou maio e nada melhor do que fazer referência ao Dia do Trabalho onde procurei mostrar a importância de se buscar alternativas de trabalho após a tão sonhada aposentadoria.
Em junho o destaque vai para a postagem sobre a minha primeira aula ministrada para a quarta turma do curso de Técnico em Saúde Bucal, para a qual convidei a minha amiga Ângela Terezinha Basso, que apresentou um emocionante depoimento às alunas.
Julho revela a realização da reunião mensal do Departamento de Apoio ao ASB e TSB da APCD/SANTOS com a promoção de um debate sobre Políticas de Saúde Bucal em nível regional.
A principal postagem de agosto abordou a ampliação das ações do Programa Brasil Sorridente anunciada pelo Ministro da Saúde.
Em setembro a postagem selecionada abordou a palestra sobre Odontologia Hospitalar ministrada pela Dra. Vanessa Tilly em reunião do Conselho Municipal de Saúde de Cubatão.
Outubro foi um mês de memoráveis postagens em face dos grandes eventos voltados para a comemoração do Mês da Saúde Bucal das quais selecionei cinco: I Jornada Técnica da Odontologia Central da Marinha; I Simpósio de Odontologia Hospitalar do Hospital Samaritano de São Paulo; Solenidade de Lançamento do 16º Congresso Internacional do Litoral Paulista; Outorga da Medalha do Mérito Odontológico e Mérito Auxiliar de Cubatão e, a postagem sobre as 100.000 Visitas atingidas pelo Blog do Professor Edélcio Anselmo.
Em novembro eu não poderia deixar de escolher o texto sobre o Sucesso inegável do CIATESB 2012, Congresso Internacional de Auxiliares e Técnicos em Saúde Bucal.
Finalmente, em dezembro o mérito vai para a palestra da Dra. Marina Rojas que encerrou as atividades do ano, dos Departamentos de Odontologia em Saúde Coletiva e de Apoio ao ASB e TSB.
Mas, o destaque especial do ano vai para a postagem sobre o meu grande amigo Rogério Santos que no próximo dia 1º de janeiro tomará posse como Chefe de Gabinete do Prefeito de Santos, Paulo Alexandre Barbosa.

Ao terminar, quero agradecer a todos os meus leitores e seguidores o prestígio do acompanhamento ao Blog do Professor Edélcio Anselmo e desejar-lhes um venturoso ano de 2013!

Acessem os links abaixo e revejam os textos selecionados de 2012:
 
 
 
 
 
 
 

 

 

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

DIA NACIONAL DO AUXILIAR E TÉCNICO EM SAÚDE BUCAL 2012


Há exatos quatro anos a odontologia rejubilava-se com uma grande notícia.No dia 24 de dezembro de 2008 era sancionada a Lei Nº 11.889 que regulamentou as profissões de Auxiliar em Saúde Bucal e Técnico em Saúde Bucal. Após muitos anos de luta, o Congresso Nacional reconheceu a importância desses profissionais para o exercício da odontologia.
Esse reconhecimento veio alavancar a atuação do pessoal auxiliar como fator essencial para potencializar as ações do Cirurgião Dentista no nível da saúde coletiva e dos consultórios e clínicas privadas. Tal lei veio fomentar, ainda, o aprofundamento na capacitação e formação desses profissionais, na medida em que os cursos profissionalizantes na área foram intensificados no sentido de consolidar o novo perfil exigido pela profissionalização das ocupações.
Em contrapartida, o crescimento significativo das vagas no mercado de trabalho, principalmente pelo incremento do Programa Brasil Sorridente através da Estratégia de Saúde da Família e Centros de Especialidades Odontológicas, propiciou o aumento na demanda pela procura dos cursos, o que acarretou a regularização de profissionais atuantes sem registro no respectivo conselho de classe, além de capacitar milhares de novos recursos humanos que passaram realmente a ter a possibilidade de ingresso em uma profissão reconhecida.
A minha estreita ligação com a incorporação plena de pessoal auxiliar no exercício da odontologia remonta ao tempo (1989) em que coordenei um curso de qualificação para Atendente de Consultório Dentário (denominação vigente na época para o ASB) na Prefeitura de Cubatão, através do Projeto Larga Escala da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo que estabelecia as diretrizes para treinamento e formação de recursos humanos auxiliares para a área da saúde, como forma de incrementar os projetos de saúde bucal coletiva no âmbito do Estado de São Paulo. Assim, conseguimos formar as quinze primeiras ACDs na baixada santista.


Ao longo dos últimos oito anos tive o privilégio de participar da formação e capacitação de centenas de TSBs e ASBs,nos cursos da Associação dos Cirurgiões Dentistas da Baixada Santista e Instituto Educacional Lupe Picasso na cidade de Santos.
Além disso, a partir de 2011 tive a oportunidade de levar a minha mensagem motivacional e otimista a outros tantos profissionais, por meio de palestras e conferências em eventos  direcionados a ASBs e TSBs, como foi o caso dos 1º e 2º CIATESB e Jornada Técnica da Odontoclínica Central da Marinha no Rio de Janeiro, e, ainda a alunos dos Cursos de Odontologia da Universidade de Mogi das Cruzes e Universidade Metropolitana de Santos, expondo a importância da inserção do pessoal auxiliar na odontologia!
No ano passado recebi a grande dádiva de paraninfar a terceira turma de TSB do Lupe Picasso, tornando-se esse o evento mais marcante na minha carreira como formador!

Vale ressaltar, ainda, a criação do Departamento de Apoio ao ASB e TSB na associação dos Cirurgiões Dentistas da Baixada Santista onde vimos desenvolvendo um verdadeiro processo de educação continuada visando o aprimoramento profissional de alunos e ex-alunos.

 
Transcrevo a seguir, na íntegra a resolução do Conselho Federal de Odontologia:

RESOLUÇÃO CFO-107/2010

Institui o “Dia do TSB e do ASB”.

O Presidente do Conselho Federal de Odontologia, no exercício de suas atribuições legais, cumprindo deliberação do Plenário, na reunião realizada no dia 11 de novembro de 2010,
CONSIDERANDO que não existe, oficialmente, o “Dia do Técnico em Saúde Bucal - TSB e do Auxiliar em Saúde Bucal - ASB”;
CONSIDERANDO que a comemoração de um dia destinado ao TSB e ao ASB propiciará uma data de confraternização dos referidos profissionais em todo o País;
CONSIDERANDO, enfim, que o dia 24 de dezembro constitui um marco para os mencionados profissionais pela promulgação da Lei nº 11.889, de 24 de dezembro de 2008,
RESOLVE:

Art. 1º. Fica instituído o “Dia do Técnico em Saúde Bucal - TSB e do Auxiliar em Saúde Bucal - ASB”, a ser comemorado, anualmente, na data de 24 de dezembro.
Art. 2°. Esta Resolução entrará em vigor na data de sua publicação na Imprensa Oficial, revogadas as disposições em contrário.
Rio de Janeiro, 11 de novembro de 2010.

JOSÉ MÁRIO MORAIS MATEUS, CD
SECRETÁRIO-GERAL
AILTON DIOGO MORILHAS RODRIGUES, CD
PRESIDENTE

Quero, nesta data festiva, parabenizar todos os ASBs e TSBs, em nome da TSB Roberta Jorge Chad que neste ano de 2012 teve o reconhecimento da Divisão de Odontologia da Prefeitura de Cubatão ao ser-lhe outorgada a Medalha do Mérito Auxiliar pela sua brilhante performance no Projeto de Educação em Saúde Bucal direcionado a grupos prioritários da comunidade cubatense!

CIOSP PROMOVERÁ ENCONTRO DE COORDENADORES DE SAÚDE BUCAL

Sob o tema “Integração dos Novos Gestores de Saúde nos Municípios”, o CIOSP 2013 promoverá em 1º de fevereiro (sexta-feira) o Encontro de Coordenadores de Saúde Bucal, no Auditório Projetos, no Expo Center Norte. Com duas mesas de debates, o evento terá coordenação geral de Helenice Biancalana, Maria Fernanda de Montezuma Tricoli, Marco Antônio Manfredini, Carlos de Paula Eduardo e Ana Emília Gaspar.

Às 10 horas, terá início a mesa “Panorama da Saúde Bucal no Estado de São Paulo”, que será coordenada pelo pesquisador Marco Antônio Manfredini, do Centro Colaborador do Ministério da Saúde em Vigilância da Saúde Bucal, da Faculdade de Saúde Pública da USP (CECOL – FSP/USP). A mesa contará com os debatedores: Gilberto Alfredo Pucca Júnior (coordenador de Saúde Bucal do Ministério da Saúde), Wellington Mendes Carvalho (assessor técnico da Coordenação Geral de Saúde Bucal), Maria Fernanda de Montezuma Tricoli (coordenadora da Área Técnica de Saúde Bucal da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo) e Cláudio César de Rossi (articulador de Saúde Bucal da DRS IX, Marília, São Paulo).
A mesa de debates “Ferramentas para Gestão dos Coordenadores de Saúde” começará às 14 horas, sob coordenação do professor Paulo Carpel Narvai, titular da FSP/USP. Estarão em pauta os seguintes temas: “Financiamento e Política de Incentivo à Saúde Bucal” (Wellington Mendes de Carvalho, assessor técnico da Coordenação Geral da Saúde Bucal), “Ferramentas de Sistema de Informação” (Vladen Vieira, secretário da Saúde de Itapira, São Paulo), “Organização da Demanda” (Antônio Carlos Pereira, professor titular de Saúde Coletiva da Unicamp). A assessora da Área Técnica de Saúde Bucal da Secretaria de Saúde de São Paulo, Regina Auxiliadora de Amorim Marques também integrará o time de debatedores. A mesa terá como relatores José Miguel Tomazevic (especialista em Odontologia em Saúde Coletiva pela FSP/USP) e Maria da Candelária Soares (ex-coordenadora de Saúde Bucal e ex-membro da Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo).
 
FONTE: BLOG DO CIOSP 2013

domingo, 23 de dezembro de 2012

EQUIPE DE SAÚDE BUCAL DA PREFEITURA DE CORUMBÁ HOMENAGEIA PREFEITO

Dentistas reconhecem avanços na saúde bucal na gestão de Ruiter

Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional em 12 de Dezembro de 2012, PMC

O prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT) foi homenageado nesta quarta-feira (12) pela categoria dos odontólogos, pelos avanços do setor de saúde bucal nos últimos anos. Foi durante um encontro do chefe do executivo com representantes dos dentistas corumbaenses e da equipe de Saúde Bucal da Secretaria de Saúde, que contou também com a participação da secretária da pasta, Maria Antonieta Sabatel, e do secretário de Gestão Governamental, Lamartine de Figueiredo Costa.
O encontro aconteceu no gabinete de Ruiter no final da manhã de hoje e contou com as presenças dos odontólogos Domingos Cezar Yunes Rodrigues, Juliana Trípoli de Paula, Gláucia Cristina da Cruz Arruda, Gilson Amorim Gomes e Alair de Oliveira Flores Orro, que representaram os dentistas corumbaenses.
Clóvis Neto/PMC

Além deles, participaram também o coordenador geral de Saúde Bucal da Prefeitura, Zacaria Omar, Wagner Massaruha, Silvia Medeiros Vieira e Fabrício Wital de Albuquerque, todos dentistas, e da auxiliar Andréia Gomes.
Durante o encontro, os profissionais de odontologia enalteceram o trabalho desenvolvido nos últimos anos, que resultaram em grandes conquistas para a categoria e um significativo avanço do setor de saúde bucal. Chegaram mesmo a lembrar o passado, época em que os odontólogos da Prefeitura, além de não serem reconhecidos profissionalmente, recebiam um baixo salário.
"Houve um grande avanço nos últimos anos, a partir do momento em que o prefeito Ruiter assumiu a Administração Municipal. A homenagem que prestamos a ele é uma demonstração de agradecimento e apreço pelo empenho e dedicação dele à saúde bucal", disse Zacaria Omar.
O coordenador destacou que, "nos últimos anos, com o Ruiter, tivemos uma valorização profissional bastante considerável, se compararmos com administrações anteriores. E não foi apenas valorização financeira, mas também profissional", ressaltou, lembrando as capacitações periódicas e intensivas, "no intuito de aperfeiçoar a classe odontológica".
O apoio recebido, conforme Zacaria, foi fundamental para Corumbá avançar, e que hoje, a odontologia corumbaense está inserida com destaque em todas as circunstâncias, inclusive nos meios de comunicação.
Sensibilizado, Ruiter comentou que sempre pautou pela valorização profissional dos servidores públicos e que o resultado não poderia ser diferente. Conforme o chefe do executivo, o desempenho da categoria foi importante para, por exemplo, conquistar o prêmio Brasil Sorridente, para cidades com população de 50 mil a 300 mil habitantes.
Maria Antonieta Sabatel e Lamartine de Figueiredo Costa (odontólogo de profissão) também foram homenageados pelo grupo esta manhã.

PUBLICAÇÃO ORIGINAL: DIÁRIO ON LINE CORUMBAENSE


sábado, 22 de dezembro de 2012

RELATOR EMITE PARECER FAVORÁVEL À OBRIGATORIEDADE DA PRESENÇA DE PROFISSIONAIS DA ODONTOLOGIA NAS UTIs

 O Relator da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania ( CCJC ), da Câmara dos Deputados, Deputado Osmar Serraglio, emitiu, no dia 28 de novembro de 2012, parecer favorável à aprovação do Projeto de Lei  Nº 2.776/2008 de autoria do Deputado Neilton Mulin que estabelece  a obrigatoriedade da presença de profissionais de odontologia nas Unidades de Terapia Intensiva.
 
 
Veja o texto do PL e do parecer na íntegra:
 
COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA

PROJETO DE LEI No 2.776, DE 2008

(Apenso: PL nº 363, de 2011)

Estabelece a obrigatoriedade da presença de profissionais de odontologia

nas unidades de terapia intensiva e dá outras providências.

Autor: Deputado NEILTON MULIM

Relator: Deputado OSMAR SERRAGLIO

I - RELATÓRIO

O Projeto de Lei em epígrafe, de autoria do Deputado Neilton Mulim, objetiva tornar obrigatória a presença de profissionais de odontologia na equipe multiprofissional das unidades de terapia intensiva, assim como em clínicas ou hospitais públicos ou privados em que existam pacientes internados. Especifica que nas UTIs o profissional será um cirurgião-dentista e nas demais unidades profissionais de odontologia com qualificação para atuar nessa área.

Em sua justificação, o autor argumenta que o atendimento odontológico “busca manter a higiene bucal e a saúde do sistema estomatognático do paciente durante sua internação, controlando o biofilme e prevenindo e tratando a cárie, a doença periodontal, as infecções perimplantares, as esomatites e outros problemas bucais.”

Destaca, ainda, que o atendimento odontológico pretendido tem custo bastante baixo, uma vez que tem o caráter preventivo e contribui para o conforto e o bem-estar do paciente.

A proposição em comento recebeu como apenso o Projeto de Lei nº 363, de 2011, de autoria do Deputado William Dib, com idêntico propósito.

A matéria tramita em regime ordinário (RI, art. 151, III) e é de competência conclusiva das Comissões (RI, art. 24). Foi distribuída para análise do mérito à Comissão de Seguridade Social e Família, que aprovou unanimemente ambos os projetos, com substitutivo, nos termos do parecer da relatora, Deputada Érika Kokay.

O referido substitutivo estende a obrigação de assistência odontológica a todos o pacientes em regime de internação hospitalar, aos portadores de doenças crônicas, e, ainda, aos atendidos em regime domiciliar na modalidade “home care”.

Decorrido o prazo regimental de cinco sessões neste Órgão Técnico, não foram apresentadas emendas.

É o relatório.

II - VOTO DO RELATOR

Conforme determina o Regimento Interno da Câmara dos Deputados (art. 32, IV, a, c/c art. 54), cumpre que esta Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania se pronuncie acerca da constitucionalidade, juridicidade e técnica legislativa do Projeto de Lei nº 2.776, de 2008, do Projeto de Lei nº 363, de 2011 e do substitutivo apresentado e aprovado pela Comissão de Seguridade Social e Família.

A matéria é de competência legislativa concorrente da União, Estados e do Distrito Federal (CF, art. 24, XII), cabendo ao Congresso Nacional, com a sanção do Presidente da República, sobre ela dispor (CF, art.48). A iniciativa legislativa, neste caso ampla e não reservada, é legítima (CF, art. 61).

Atendidos os requisitos constitucionais formais, observa –se igualmente que as proposições obedecem aos demais dispositivos constitucionais materiais, assim como se encontram em harmonia com os princípios de direito, respeitando, assim, os critérios de juridicidade.

No que se refere à técnica legislativa, o substitutivo aprovado na Comissão de Seguridade Social e Família aperfeiçoou a redação dos projetos de lei apensados e, além disso, está em conformidade com os ditames da Lei Complementar nº 95, de 1998, que dispõe sobre as normas de elaboração das leis.

Nesse sentido, o voto é pela constitucionalidade, juridicidade e boa técnica legislativa dos Projetos de Lei nº 2.776, de 2008 e nº 363, de 2011, nos termos do Substitutivo da Comissão de Seguridade Social e Família, que, por sua vez, é constitucional, jurídico e tem boa técnica legislativa.

Sala da Comissão, em  28 de novembro de 2012.

Deputado OSMAR SERRAGLIO

Relator
 

 

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

GOVERNO DE RORAIMA CRIA 50 VAGAS PARA TSB

O Governo do Estado de Roraima resolveu investir pesado na área odontológica ao criar vagas de nivel superior, técnico e auxiliar.

Para garantir a contratação de médicos e dentistas por meio de concurso público, o governador do Estado sancionou na última sexta-feira, 14, a lei que institui a Gratificação de Atividade Médica (GAM) e que cria cargos de cirurgião dentista em 16 especialidades. Também foram criados cargos de nível médio para auxiliar e técnico em saúde.
Os dentistas serão contratados para atuarem em hospitais da rede estadual da capital, além do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), que funcionará na Policlínica Cosme e Silva (PCS). Os vencimentos dos cirurgiões são R$ 3.214,70. O valor pago aos auxiliares é de R$ 1.163,03 e de R$ 1.210,03 para os técnicos em saúde.
Há três áreas de auxiliares com as seguintes quantidades de vagas: os de prótese dentária (03), saúde bucal (80) e anatomia e necropsia (12). Para técnicos em saúde bucal, são 50 vagas e 02 para técnico em prótese dentária. Para os cargos de dentistas, o poder executivo fixará a jornada de trabalho de 4h por dia, com vencimentos proporcionais à jornada de 40h semanais.
O Centro vai oferecer serviços com assistência odontológica em diagnóstico oral, como endodontia (tratamento de canal), periodontia (doenças de gengiva e tecidos de suporte do dente); estomatologia, radiologia odontológica, cirurgia oral menor (remoção de dentes latentes e lesões) e atendimento a pacientes portadores de necessidades especiais.
Após a implantação do CEO, serão disponibilizados, ainda, os serviços de odontogeriatria e disfunção temporo-mandibular no Hospital Coronel Mota (HCM) e Patologia Bucal no Laboratório de Patologia no Estado de Roraima (LAPERR).

ESPECIALIDADES
Ao todo são 71 cargos de cirurgiões divididos nas seguintes especialidades: buco-maxilo facial, pacientes especiais, endodontia, odontopediatria, prótese dentária, odontogeriatria, odontologia do trabalho, disfunção temporo mandibular e dor-oro-facial, patologia bucal, periondontia, ortodontia, estomatologia, radiologia, ortopedia funcional maxilar, saúde coletiva e dentística.

GAM
A lei instituiu, ainda, a Gratificação Permanente de Atividade Médica (GAM) no percentual de 150% sobre o vencimento básico, para os cargos efetivos de médico em regime de 40h e 20h semanais. De acordo com o secretário Estadual de Saúde (Sesau), Leocádio Vasconcelos, a gratificação só fez estender um benefício criado pela Lei 598, 11 de junho de 2007, que instituiu os regimes de Dedicação Exclusiva (DE), com acréscimo de 150% do valor do vencimento básico.
Com a aprovação da GAM, o Estado incentiva a participação de médicos a ingressarem no serviço público, por meio do próximo concurso, previsto para o próximo ano. “Dessa forma, o Estado diminui as diferenças entre as remunerações dos profissionais e, garante o maior número de inscritos no concurso”, afirmou.

FONTE:  RORAIMA hoje

COMENTÁRIO DO PROFESSOR EDÉLCIO ANSELMO

A administração pública do Estado de Roraima deu um grande passo na valorização da Equipe de Saúde Bucal com a incorporção de 135 vagas para TSBs, TPDs, ASBs e APDs e, ainda 71 cargos de Cirurgiões Dentistas para prestar serviços em 17 especialidades odontológicas.
Porém, ao mesmo tempo em que promove a criação das vagas, o estado pratica uma política salarial discriminatória contra os Cirurgiões Dentistas, ao estabelecer uma gratificação de natureza  permanente para os médicos, possibilitando um aumento de 150% na remuneração desses profissionais ocasionando uma grande disparidade com o salário dos Cirurgiões Dentistas que contribuem em pé de igualdade na produção de procedimentos que revertem na obtenção dos recursos financeiros provenientes do SUS.
A par disso,  a diferença do piso salarial do ASB para o TSB é de apenas R$ 47,00, outra grande disparidade cometida através desse projeto.
A classe odontológica, através de suas associações, sindicatos e conselhos precisa urgentemente se envolver diretamente na política de cargos e salários dentro do serviço público como forma de buscar a valorização dos profissionais da odontologia.
De qualquer forma, parabenizo a administração por reconhecer a necessidade da ampliação do quadro funcional na área odontológica, mas, ao mesmo tempo, espero o reconhecimento da necessidade da prática da isonomia com as outras profissões de saúde de nível superior, técnico e auxiliar.


A administração pública de

sábado, 15 de dezembro de 2012

PROFESSORA MARINA ROJAS - UM SHOW DE PALESTRA NA ACDBS


Os Departamentos de Odontologia em Saúde Coletiva e de Apoio ao Auxiliar e Técnico em Saúde Bucal da Associação dos Cirurgiões Dentistas da Baixada Santista - Regional APCD, promoveram nesta terça-feira, 11 de dezembro de 2012 a última reunião do ano, fechando com chave de ouro as suas realizações.
Além do objetivo de agregar novos conhecimentos, o evento se transformou, também num momento de confraternização entre os participantes que foram recepcionados com um Welcome Coffee  gentilmente oferecido pela BIOFX Radiologia Odontológica através de seu Diretor, Dr. Leonardo Bertolassi que colaborou com vários eventos desses dois Departamentos neste ano.

Após a confraternização, as atividades científicas foram iniciadas com a apresentação do Professor Edélcio Anselmo que expos aos presentes uma retrospectiva das atividades técnico-científicas realizadas durante todo o ano.
Em seguida a Professora Marina, iniciou a sua palestra mostrando fatos históricos sobre as profissões auxiliares em odontologia com a implantação do primeiro curso para auxiliares na Faculdade de Odontologia de Ohio nos Estados Unidos em 1910.Três anos depois, Alfred Fones, considerado o "Pai da Higiene Dental" criou a primeira Escola de Higiene Oral.

No Brasil a incorporação de pessoal auxiliar foi sendo realizada paulatinamente, com a regulamentação do Conselho Federal de Odontologia até chegar a 24 de dezembro de 2012 quando foi sancionada a Lei nº 11.889 que veio regulamentar as profissões de ASB e TSB.

Entrando no tema de Trabalho a Quatro e Seis Mãos, a palestrante enfatizou a importância desses profissionais na otimização do trabalho do Cirurgião Dentista com reflexos positivos na economia de tempo, redução de fadiga, aumento da produtividade com consequente melhoria na relação custo-benefício e ainda, tornando o trabalho menos solitário e mais prazeroso.Técnicas de instrumentação foram apresentadas aos participantes, com a respectiva classificação dos movimentos, além da importância da disposição ergonômica dos equipamentos e sua influência na postura e posicionamento dos profissionais.

A conferencista finalizou a sua apresentação, enfatizando a necessidade de uma relação de respeito, colaboração e compreensão mútuas  como forma de criar um vínculo entre os membros da equipe.
Em seguida, a Dra. Maria Regina Amorim enalteceu a qualidade do trabalho realizado pela Dra. Marina e designou a Técnica em Saúde Bucal, Valdete Rosa para entregar-lhe o certificado de participação.

Com essa excelente palestra, o DOSC e DAATSB encerraram as suas atividades científicas anuais com o brilhantismo da exposição da Dra. Marina Montenegro Rojas que foi merecidamente aplaudidíssima pela plateia de oitenta participantes entre Cirurgiões Dentistas, Auxiliares e Técnicos em Saúde Bucal, Técnicos em Prótese Dentária e alunos dos cursos técnicos do Instituto Educacional Lupe Picasso, ACDBS e Departamento Regional de Saúde de Santos e região.

Meus sinceros agradecimentos à minha grande parceira, Regina Amorim e a todos os membros do DOSC e DAATSB pela intensa dedicação ao nosso propósito de valorizar a Odontologia como um todo e, principalmente a esses profissionais auxiliares, sem os quais a profissãoodontológica não passaria por esse grande desenvolvimento!



domingo, 9 de dezembro de 2012

ROGÉRIO SANTOS: A TRAJETÓRIA DE UM GRANDE PROFISSIONAL


Em 1989, após 11 anos como servidor público da Prefeitura de Cubatão, a convite do Dr. Antonio Rafael, o popular Dentista Toninho, designado para exercer o cargo de Chefe do Serviço Odontológico, passei a exercer a função de Interlocutor do Programa de Saúde Bucal do município com a Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo.Uma das ações que ficou sob a minha responsabilidade, foi, a promoção de visitas aos postos de trabalho, para efetuar um diagnóstico da estrutura existente e, ao mesmo tempo, conhecer os 30 novos Cirurgiões Dentistas que haviam assumido no ano anterior, aprovados que foram em concurso público. Numa dessas visitas, à Unidade de Ensino da Vila Elizabeth, vim a conhecer um profissional que veio, a partir de então, se transformar num grande parceiro de lutas pela valorização da odontologia pública, Rogério Pereira dos Santos. Posso dizer que foi amor à primeira vista, amor de irmão, que perdura até os dias de hoje. E essa parceria incondicional nos levou a ser chamados de irmãos gêmeos, em alusão ao filme estrelado por Arnold Schwarzenegger e Danny de Vitto, graças à nossa desproporcional altura.
Através dos anos, esse vínculo de amizade e compartilhamento de nossas responsabilidades profissionais se encaminhou para um crescimento vertiginoso, a ponto de em 1997 assumirmos, respectivamente, a Coordenação e Supervisão do Serviço Odontológico, oportunidade em que, ao longo de quatro anos, em consonância com todos os outros profissionais da odontologia, Cirurgiões Dentistas e Auxiliares em Saúde Bucal, e com o apoio incondicional do então Prefeito Nei Serra, conseguimos promover uma revolucionária transformação na promoção da saúde bucal no município, de onde posso destacar duas grandes criações: o Programa de Educação e Prevenção em Saúde Bucal, - PREVEN-TÃO e o Centro de Referência em Saúde Bucal que se tornaram referência nacional em sua apresentação no Encontro Nacional de Administradores e Técnicos em Saúde Bucal realizado em Brasília, em agosto do ano 2000.
Nossa grande obra
 Palestra de Inauguração do CRSB
Após o término dessa administração, por questões políticas, outros técnicos da área assumiram os cargos de direção, mas a nossa parceria não parou por aí, ao voltarmos nossas atenções para o nível regional, quando apresentamos à Diretoria Regional de Saúde de Santos, uma proposta formulada através da Associação dos Cirurgiões Dentistas da Baixada Santista, conseguindo então, criar e formalizar por ato do Diretor Técnico da DRS, o Comitê Metropolitano de Saúde Bucal congregado por representantes dos nove municípios integrantes da RMBS, das universidades com cursos voltados para a formação e pós-graduação odontológica, UNISANTOS, UNIMES  e UNISANTA, e da Associação dos Cirurgiões Dentistas da Baixada Santista e Conselho Regional de Odontologia – Delegacia Seccional de Santos.
Nossa parceria no 1ºEncontro de Odontologia em Saúde em Saúde Coletiva da ACDBS
Em 2005, por minha indicação, o meu irmão volta a exercer um cargo na prefeitura de Cubatão, Chefe do Serviço Odontológico Ambulatorial, onde procurou dar seguimento às suas ideias inovadoras, e com quem continuei colaborando, quando chamado por ele para gerenciar a Equipe do PREVEN-TÃO, até o ano de 2008.
Eis que em dezembro de 2008, eu me aposentei, e com início de nova administração em 2009, Rogério voltou para a unidade básica de saúde para atender a população carente de cuidados odontológicos.
, aconteceu uma reviravolta na sua vida profissional, quando, chamado pelo deputado estadual eleito, Paulo Alexandre Barbosa, passou a ser coordenador político do seu Escritório Regional em Santos, assessorou-o nas Secretarias de Desenvolvimento Social e de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia de São Paulo, além de ser o  Fundador e Diretor-Executivo do Instituto Metropolitano de Pesquisas Acadêmicas e Consultoria Técnico-Operacional (Impacto), e coordenador dos projetos Porto Universidade, Impacto Social e Baixada Santista 2021 - Desafios para a próxima década, o que o levou a apresentar como Trabalho de Conclusão do Curso de Mestrado em Saúde Coletiva da UNISANTOS  o tema “ Trabalhador Avulso do Porto de Santos: Relações entre Trabalho e Saúde”
Discurso de Rogério Santos no Simpósio: BAIXADA SANTISTA 2021:

Neste momento, o maior legado para o futuro regional seria o desenvolvimento tecnológico. A partir da vocação litorânea e dos investimentos: no porto, na exploração do petróleo da Bacia de Santos, na expansão da indústria e no turismo, podemos nos tornar um polo de tecnologia, nas mais diversas áreas, garantindo assim o desenvolvimento sustentado.

Já na década de 70, o economista Peter Drucker dizia: "...o desenvolvimento dos oceanos está prestes a ser conduzido sistematicamente como o maior recurso econômico possível de ser encontrado neste planeta. Com ele advirão novos suprimentos de alimentos e matérias-primas. Com ele surgirão novas tecnologias, novas indústrias importantes e, logicamente, empresas totalmente novas".
ROGÉRIO SANTOS, DIRETOR-EXECUTIVO DO INSTITUTO IMPACTO
Mas, os desafios para Rogério não pararam por aí, eis que, neste dia 08 de dezembro de 2012, o seu nome é anunciado para assumir um dos cargos mais importantes da futura administração pública do município de Santos, a Chefia de Gabinete do Prefeito. Tenho absoluta certeza que Paulo Alexandre Barbosa, não poderia ter feito uma melhor escolha, graças à sua fidelidade ao futuro prefeito, e, principalmente à sua competência profissional aliada à sua capacidade de aglutinação política e criação de grandes projetos.
Lembro-me muito bem, daqueles longínquos idos do ano de 1989, quando o Dr. Sylvio Schillittler, criador do Serviço Odontológico de Cubatão, me chamou para uma conversa e disse-me profeticamente: "Edélcio, se algum dia você assumir a responsabilidade de conduzir a odontologia pública de Cubatão, volte seus olhos para um profissional de futuro, e você terá um valioso parceiro na sua administração".
E esse nome indicado por Sylvio era exatamente, Rogério Pereira dos Santos!
A sua profecia se cumpriu, amigo mestre e guru Sylvio. Do alto de onde você está, está vendo a grande trajetória do nosso amigo comum!
Termino estas minhas palavras de homenagem a meu irmão gêmeo, dizendo:
A Cubatão atual não soube valorizar a sua genialidade e competência, e quem ganhou foi a cidade de Santos que terá como braço direito de Paulo Alexandre Barbosa, um grande ser humano e excelente profissional!
Parabéns e sucesso, meu caríssimo irmão!        

 

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

ODONTOLOGIA EM DESTAQUE: TURMA DO BEM


Como nasceu a Turma do Bem
Em 1995, o Dr. Fábio Bibancos escreveu seu primeiro livro, Um sorriso feliz para seu filho (CLA Editora), com foco na prevenção de problemas odontológicos. Por ocasião do lançamento do livro, ele foi convidado a realizar palestras em escolas particulares e, depois, da rede pública.
Nas escolas públicas, as mães mostravam a situação bucal dos filhos, e a prevenção já não adiantava mais. Ele então resolveu unir 15 colegas e, juntos, passaram a atender gratuitamente alguns casos em seus consultórios. Assim surgiu a ideia que hoje se tornou a maior rede de voluntariado especializado do mundo: o Dentista do Bem.
Em 2002, com o aumento significativo de dentistas, a TdB foi oficializada e recebeu a certificação do Ministério da Justiça como OSCIP - Organização da Sociedade Civil de Interesse Público.
A TDB, surgida do sonho dsses lídimo representante da odontologia nacional, foi crescendo, aos poucos, com a adesão de muitos cirurgiões dentistas, tornando-a hoje uma instituição de nível nacional e internacional com a extensão de seus fortes braços para a América Latina e para a nossa Pátria-Mãe, Portugal!

Missão, valores e propostas da TDB.

Missão
Nossa missão é mudar a percepção da sociedade sobre a questão da saúde bucal e da classe odontológica com relação ao impacto socioambiental de sua atividade.

Valores
Fazer pelo outro o que faríamos pelo nosso filho
Realizar com estética e alegria
Eficácia e transparência na gestão

Propostas
Para a sociedade
Promover soluções de acesso a tratamentos odontológicos.

Para a classe odontológica
Valorizar e mobilizar os profissionais para uma nova conduta socioambiental.

Para o setor empresarial
Discutir práticas éticas no setor odontológico.

Incentivar produtos e serviços de baixo custo que promovam acesso.
Inspirar condutas responsáveis em outros setores.
Para o Governo
Influenciar e mudar políticas públicas.


Dr. FABIO BIBANCOS - CRIADOR DA TDB
 
Hoje, a Turma do bem é integrada por oito projetos, a saber: Dentista do Bem; Apolônias do Bem, Políticas Públicas; Assistente do Bem; Estudante do Bem; Liga do Dentista Limpo; Dentista Verde e Vez do Bem.

O Dentista do Bem é o principal projeto da TdB, e conta com o trabalho voluntário de cirurgiões-dentistas que atendem em seu próprio consultório crianças e jovens de baixa renda entre 11 e 17 anos, proporcionando-lhes tratamento odontológico gratuito até que completem 18 anos. Atualmente, é a maior rede de voluntariado especializado do mundo.
Os pacientes são selecionados por grau de necessidade, o que é determinado por uma triagem realizada em escolas da rede pública ou instituição social. Jovens e crianças com problemas bucais graves, os mais carentes e próximos do primeiro emprego têm prioridade no atendimento.
O tratamento, realizado no consultório do próprio dentista voluntário, é de caráter curativo, preventivo e educativo. O Projeto Dentista do Bem conta com voluntários espalhados por todo o País – nos 26 Estados e Distrito Federal –, dez países da América Latina e Portugal. O escritório da TdB faz a ligação entre todos os envolvidos no projeto (o jovem beneficiado, sua família, a escola, o cirurgião-dentista voluntário) e ainda o acompanhamento dos atendimentos.


Dr. MARCOS e Dra. ROBERTA SUELY - dois expoentes da TDB

Na Região Metropolitana da Baixada Santista, onde apenas a cidade de Santos está procurando ampliar e consolidar o projeto, apesar da existência de programas públicos de saúde bucal voltados para crianças e adolescentes e devido à grande demanda, há necessidade dos Cirurgiões Dentistas dos outros oito municípios se integrarem à TDB como forma de complementar as ações do poder público implementadas através do SUS.

Conheça mais sobre a Turma do Bem

Dr. Fábio Bibancos - fundador da TDB






Secretaria Saúde de Joinville lança atividade “Sem Cigarros, Com Sorrisos” nos grupos de controle de tabagismo

A Secretaria da Saúde de Joinville incluiu mais uma atividade de prevenção nos Grupos de Controle do Tabagismo dos postos de saúde. A partir de agora, o fumante que aderir ao grupo será examinado pelo cirurgião-dentista da unidade. O objetivo da ação chamada “Sem Cigarros, Com Sorrisos” é o diagnóstico precoce de lesões pré-cancerígenas e cancerígenas.
Segundo os cirurgiões-dentistas do Programa Saúde Bucal de Joinville, Allan Abuabara e Christine da Costa, o fumante tem sete vezes mais chances de desenvolver o câncer de boca. “Se o paciente fuma e também bebe frequentemente, a chance de ter câncer bucal passa a ser 38 vezes maior. A combinação de tabaco e álcool potencializa o risco de câncer de vias aerodigestivas”, destacam.

Na terceira Campanha de Prevenção contra o Câncer de Boca realizada nas unidades de saúde no dia 25 de outubro, 659 pacientes foram examinados pelos dentistas. Desses, 102 usuários apresentaram alguma alteração de mucosa. “Não tivemos nenhum caso positivo de câncer bucal, porém casos de feridas bucais e lesões na gengiva são alguns dos sintomas do câncer e precisam ser tratados para não se agravarem”, explica Allan. Segundo o dentista, todos os 102 pacientes estão sendo atendidos pelo especialista.

Você quer parar de fumar? Saiba como“A vontade de parar de fumar é o primeiro passo para largar o vício”, alerta a psicóloga do Programa Municipal de Controle do Tabagismo, Karina Viana. Segundo dados da Secretaria da Saúde, 80% dos fumantes querem deixar o vício, mas apenas 3% conseguem largar o cigarro sem ajuda.Para participar dos grupos de Controle de Tabagismo das unidades de saúde é necessário, primeiramente, se inscrever na lista da recepção da unidade de saúde mais próxima de sua residência.

A foto de Claudia Mota mostra início de atividades do Respira Joinville em praça pública da cidade, evento realizado para a divulgação do Programa de Controle do Tabagismo e comemoração do Dia Nacional de Controle do Tabagismo..

O Programa está inserido em 19 das 56 unidades de saúde do município. Para iniciar o tratamento, o fumante passa por uma avaliação médica e é inserido em
Ao ser chamado para o início do tratamento, o fumante passa por uma avaliação médica e é inserido em grupos que utilizam a abordagem “cognitivo-comportamental” no processo de cura. Este método tem como objetivo ajudar o paciente a entender a sua dependência do cigarro e a compreender as dificuldades no processo de parada, como a síndrome de abstinência e as possibilidades de recaída.Em alguns casos de dependência elevada ou muito elevada do tabaco, o paciente também é tratado com medicação específica, conforme explica a psicóloga. “Para ter acesso ao remédio ele precisa obrigatoriamente estar frequentando os grupos de tratamento”, adverte Karina.Até setembro deste ano, 1.232 pessoas passaram pelos grupos de Controle de Tabagismo dos postos de saúde e 476 pacientes conseguiram parar de fumar. Com isso, o índice de pacientes que abandonaram o cigarro foi de 38,63%, um ótimo número segundo o Ministério da Saúde, que já considera satisfatória a taxa de 30% quando se trata de pessoas que abandonaram o cigarro após tratamento em grupo.
FONTE: SANTA CATARINA 24 HORAS

COMENTÁRIO DO PROFESSOR EDÉLCIO ANSELMO:
A Secretaria Municipal de Saúde de Joinville dá mais um grande exemplo na implementação de programas voltados para a prevenção de doenças da boca, ao incluir a Equipe de Saúde Bucal no Programa Municipal de Controle do Tabagismo, visando a prevenção do câncer bucal.
Esta é mais uma ação que valoriza a atuação de uma equipe multidisciplinar no controle de um hábito tão nocivo para a saúde do indivíduo, em face do cigarro ser considerado uma droga lícita e, por isso mesmo, tão incorporado na vida de imensa parcela da população.
A inclusão da avaliação bucal nos pacientes inclusos no programa, oferece a oportunidade da prevenção de doenças gravíssimas, além de colaborar para a conscientização da necessidade de abandonar esse hábito tão nocivo.




quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

PALESTRA NA ACDBS/APCD SANTOS: TRABALHO A 4 E 6 MÃOS

Os Departamentos de Odontologia em Saúde Coletiva e de Apoio ao Auxiliar e Técnico em Saúde Bucal da ACDBS - Associação dos Cirurgiões Dentistas da Baixada Santista - APCD Regional de Santos, promoverão no dia 11 de dezembro de 2013 a palestra sobre Trabalho a 4 e 6 Mãos - Otimizando Tempo e Equipe, a ser ministrada pela Dra. Marina Montenegro Rojas, Cirurgiã Dentista da Estratégia de Saúde da Família do Hospital Albert Einstein de São Paulo.
O evento será realizado no auditório da ACDBS e faz parte do calendário de Pré-Eventos do 16º CIOLP - Congresso Internacional de Odontologia do Litoral Paulista e é dirigido a Cirurgiões Dentistas, Técnicos em Saúde Bucal, Auxiliares em Saúde Bucal, Técnicos em Prótese Dentária, Auxiliares de Prótese Dentária e demais trabalhadores ligados à Odontologia.


Os interessados poderão efetuar a sua inscrição gratuíta através do telefone (13) 3285-2442 na Secretaria da ACDBS.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

CURSO DE TÉCNICO EM PRÓTESE DENTÁRIA NO LUPE PICASSO


O Instituto Educacional Lupe Picasso de Santos/SP abriu período de matrículas para a 2ª Turma do Curso de Formação em Técnico em Prótese Dentária
 
VENHA SE CAPACITAR PARA UMA PROFISSÃO EM GRANDE DESENVOLVIMENTO
 
Veja mais informações no Folder abaixo!

domingo, 2 de dezembro de 2012

Bom Despacho forma Técnicos em Saúde Bucal


Dia 14 de novembro a Escola de Saúde Pública do Estado de Minas Gerais (ESP-MG) formou 37 Técnicos em Saúde Bucal (TSB). O curso aconteceu em Bom Despacho, que atuou como cidade polo.
A colação de grau foi no auditório do 7º BPM e contou com a presença de mais de 200 pessoas que ocuparam corredores e janelas.
As aulas foram ministradas por 22 professores qualificados pela própria Escola de Saúde Pública. A maioria deles, de Bom Despacho.
Dos 37 formandos, cerca de 30 vieram de cidades da região, como Cláudio, Nova Serrana, Pompeu, Lagoa da Prata e outras.
O diretor-geral da ESP-MG, Damião Mendonça Vieira, ressaltou o esforço dos alunos, docentes e coordenação para a concretização do curso. "Sabemos das dificuldades enfrentadas e do investimento pessoal de cada um para a conclusão desta jornada. Citamos como exemplo o esforço da aluna Elizângela da Silva, do município de Medeiros, que durante o curso percorreu 156 km para assistir as aulas. Agradecemos os gestores pelo entendimento, reconhecimento, empenho, dedicação e comprometimento, que souberam reconhecer a importância de recursos humanos qualificados para a sustentabilidade do nosso Sistema Único de Saúde (SUS)".


O Diretor ainda destacou que, a partir de agora, a comunidade poderá contarcom profissionais ainda mais qualificados em suas atividades. Isso elevará a qualidade das ações de saúde no município.
Durante a solenidade, os alunos lembraram o início de uma importante jornada para os formandos: "estamos escrevendo a história da odontologia, da saúde pública e da estratégia da saúde da família. O Técnico em Saúde Bucal deixou de ser puramente um técnico, que se preocupava apenas com a profilaxia dentária, e passou a ser um profissional inteiramente integrado com o paciente, preocupando com seus hábitos e costumes", consideram as formandas.


SimbologiaApós a colação de grau, as formandas entregaram ao diretor-geral da ESP-MG, Damião Mendonça, uma bola com assinaturas de todos os alunos do curso TSB. Essa bola foi um símbolo do esforço desenvolvido. Os alunos a receberam no início do curso e levaram-na de cidade em cidade. A cada viagem a bola recebia assinatura dos envolvidos: alunos, direção, município. Na formatura, ela foi devolvida e entregue ao diretor da ESP: "Hoje estamos aqui felizes por trazer de novo esta bola, que entregamos renovada como símbolo para a ESP-MG, que tanto tem feito por Minas Gerais. Esta bola representa o papel que a Escola faz na Educação Permanente de todo o estado."
 

O que o curso representa?Na colação de grau a formanda Maria das Graças disse: "Estou concluindo um sonho de cursar o TSB. Agradeço a esta cidade e à ESP-MG. É uma oportunidade que estou tendo de subir mais um degrau em minha vida".
Dona Sebastiana Geralda Ribeiro, presidente da Associação dos Quilombolas da Tabatinga e mãe de uma formanda declarou: "Foi com muita dificuldade a concretização deste curso, que é muito importante, porque hoje, aquele que não estuda, fica para trás".
Em todo o Estado, a ESP-MG formou 11 turmas de TSB, totalizando 385 alunos, em 253 municípios. O curso conta atualmente com cerca de 254 docentes. A história do TSB na ESP-MG teve início em 1988, quando a nomenclatura era Técnico em Higiene Dental (THD). Daquela época até 2011, a Escola habilitou 1.431 profissionais em técnicos em saúde bucal.
O TSB, com 1.300 horas, se configura como uma relevante atividade desempenhada pela Escola e se destina à formação de trabalhadores do Sistema Único de Saúde (SUS) na área de saúde bucal. A escolaridade exigida é o nível médio.
O Técnico em Saúde Bucal está qualificado para realizar atividades necessárias à prestação de cuidados na prevenção de doenças, promoção e recuperação da saúde bucal.
Esse curso serviu também para mostrar como a mulher vem ocupando mais e mais espaço nas profissões que exigem maior preparo. A turma de TSB era formada exclusivamente por mulheres.
Estiveram presentes na solenidade de colação de grau a atual secretária da Saúde, Denise Gontijo Queiroz Araújo Costa e o prefeito eleito Fernando Cabral.

(Créditos das fotos: Harrison Miranda e Suzi Rocha)

 
 
NOTA DO AUTOR DO BLOG DO PROFESSOR EDÉLCIO ANSELMO:
É importante como a profissão de Técnico em Saúde Bucal, caminha para a sua consolidação, após a vigência de Lei Nº 11.889 de 24 de dezembro de 2012.
Além de escolas tradicionais como a Escola de Saúde Pública do Estado de Minas Gerais, que vem formando esses profissionais desde 1988, quando a nomenclatura ainda era Técnico em Higiene Dental, outras instituições de ensino públicas e privadas estão intensificando essa formação, de forma a capacitar técnicos para o preenchimento das vagas que estão sendo implementadas, principalmente na Estratégia de Saúde da Família. A par dessa participação no setor público, os TSBs vem sendo aos poucos se incorporando no setor privado, em face da aceitação gradativa e reconhecimento pelos Cirurgiões Dentistas, da importância do papel desses profissionais na otimização de seu trabalho em clínicas e consultórios odontológicos.
 
A ESP-MG merece o nosso reconhecimento pelo excelente trabalho desenvolvido!
 

Leia mais

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

SMS de Pelotas/RSdisponibiliza estágio para Auxiliar de Saúde Bucal

Foto: Vanderlei Porto  Com o objetivo de ampliar e qualificar as redes e equipes da saúde bucal, a prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) firmou Termo de Convênio com a Escola de Educação Profissional Estilo, o que possibilitará que alunos da instituição de ensino possam desenvolver a parte prática do curso nas Unidades Básicas de Saúde do Município. O curso de Auxiliar de Saúde Bucal acumula uma carga horária de 400 horas/aula, sendo que, destas, 100 horas envolvem procedimentos práticos.

“Trata-se de uma conjugação exitosa de interesses, pois desde a implantação do atendimento em saúde bucal, sentimos a dificuldade de encontrarmos pessoas qualificadas no mercado de trabalho para desempenhar esta função”, comentou a titular da SMS, Arita Bergmann. Ela acrescentou ainda que esta ação qualifica ainda mais o serviço que já vem sendo oferecido. A partir desta semana, mais de 30 alunos do curso começarão a desempenhar a função nas UBSs, dentre as quais estão as localizadas no Barro Duro, Cohab Lindóia, Centro de Especialidades (da Rua Voluntários da Pátria) e Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), entre outras.

Segundo os supervisores de saúde bucal do Município, Leandro Thurow e Mariane Laroque, Pelotas já possui oito profissionais contratados para esta função e o estágio possibilita que, a partir dos conhecimentos práticos e teóricos adquiridos, estes futuros profissionais ingressem efetivamente no mercado de trabalho e possivelmente na área de saúde do Município, por ocasião de realização de seleção pública ou futuros concursos.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde de Pelotas

Comentário do autor do Blog do Professor Edélcio Anselmo:

O município de Pelotas promove um grande avanço de gestão, ao celebrar convênio com instituição educacional formadora de recursos humanos auxiliares em odontologia, possibilitando o estágio de alunos de Curso da Capacitação em Auxiliar em Saúde Bucal para o desenvolvimento das atividades práticas no ambiente das suas Unidades Básicas de Saúde com consequente preparo desses alunos para participações futuras em concursos públicos e processos seletivos da própria prefeitura.
Que este fato sirva de exemplo a outras prefeituras, como forma de incrementar a capacitação profissional.